Pular para o conteúdo principal

Mensagem De Despedida Com Agradecimentos e Recados


Segundo mais votado em Chapadinha para o cargo de deputado estadual, Dr. Levi Pontes de Aguiar publicou mensagem de despedida do mandato e agradecimento aos eleitores no Facebook com recados que valem a pena ser lido.

Destacando sua gratidão aos eleitores maranhenses, em especial de Chapadinha, Levi falou do mandato exercício e deu a entender que continuará participando da luta política. “Se minha trajetória política fosse um prédio, eu poderia dizer que ele foi ao chão no encerramento da apuração, mas guardei cada tijolo para reconstruí-lo da maneira com a qual a população julgar que melhor convém”, afirmou.

Confira a íntegra aqui:

Meus amigos e minhas amigas,


Nos próximos dias descerei a rampa do Palácio Manoel Beckman da mesma maneira com o qual aqui cheguei há quatro anos nesta Assembleia Legislativa: com o coração cheio de gratidão aos milhares de maranhenses que me deram a honra de servir como deputado estadual.

Combati o bom o combate e levarei para o resto da minha vida a experiência adquirida nesta oportunidade. Defendi com convicção o que acredito ser melhor para o nosso estado, o projeto liderado pelo governador Flávio Dino e isso me fez virar alvo de muitos. Não tem problema, faria tudo outra vez.

Lutei sem cansar para melhorar as condições de vida no Baixo Parnaíba.  Não preciso lembrar a quantidade de benefícios levados pela minha intervenção à nossa região, em especial à minha amada Chapadinha, onde o povo voltou a me consagrar com votação que renova minha disposição de contribuir para o bem comum de todos.

Volto agora a poder desfrutar com mais tempo do convívio com minha família e meus amigos, além de retornar ao sacerdócio da minha vida, que é a Medicina. Apesar de não ser mais do que minha obrigação, nos dias conturbados que o Brasil vive posso dizer com orgulho que saio com o padrão de vida que tinha antes de ser deputado. Meu mandato foi instrumento de dedicação e transformação social, não de enriquecimento pessoal.

Não vou negar que foi dolorido para mim não renovar meu mandato, mas aceito a sentença das urnas com humildade e busco sabedoria para compreender as lições que o eleitor dá por meio do seu voto. Se minha trajetória política fosse um prédio, eu poderia dizer que ele foi ao chão no encerramento da apuração, mas guardei cada tijolo para reconstruí-lo da maneira com a qual a população julgar que melhor convém.

Mais uma vez: obrigado por cada voto. O amigo de todas as horas continuará à disposição de todos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor de Chapadinha vai a Itapecuru prestar depoimento

O assassinato do empresário Pedro Lopes Fontenelle, em Vargem Grande, ainda é um mistério. Para ajudar a solucionar o caso o pastor Elias Lima, presidente da Assembleia de Deus em Chapadinha, se dirigiu à Delegacia de Itapecuru-Mirim na manhã desta terça-feira (02) para prestar depoimento.
O crime aconteceu na última quarta-feira (27) às margens da BR-222, em frente a uma propriedade que o pastor havia vendido para o empresário. O empresário foi executado com dois tiros e não levaram nada dele.
Segundo um genro do pastor, o irmão Ezequiel Douglas, ele não recebeu qualquer intimação para comparecer ao distrito policial que investiga o caso e se dirigiu de forma espontânea. “Como ninguém sabe quem são os autores nem a motivação do crime, cabe todos que tiveram algum contato recente com a vítima munir as autoridades policiais com toda informação que possa ajudar a solucionar o caso”, afirmou ao blog.
Pedro Lopes Fontenelle tinha 46 anos e atuava no ramo frigorífico em Vargem Grande.

O que não te disseram sobre a "farra dos contracheques"

Enquanto a gritaria tomava conta das redes sociais, me dediquei a estudar a folha de pagamento da Prefeitura de Chapadinha e verifiquei alguns dados que precisam ser esclarecidos.
Primeiro, nenhum vigia “recebe” R$ 6 mil. O presente do indicativo é usado para demonstrar ação continuada. E o vigia Marcelo Costa Abreu, segundo este mesmo Portal da Transparência que serve de fonte para pinçar informações pela metade e causar alvoroço, tem um salário de R$ 1.247,50. Nos meses de Setembro e Outubro ele recebeu gratificações para compensar outros serviços que ele teria prestado à administração municipal, segundo relato dele mesmo em áudio que circula nos grupos de WhatsApp.
A realização destes trabalhos deve ser atestada, mas essa checagem desmonta a tese segunda qual ele receberia um grande salário para dividir com um ex-prefeito e um vereador.
Outro dado que tem aparecido de maneira muito distorcida é a lotação de todos os servidores como funcionários do gabinete do prefeito. Na verdade…

Mais um empresário se prepara para disputar a Prefeitura

Está difícil manter a contagem de quantos pré-candidatos ao cargo de prefeito de Chapadinha já estão no páreo. Hoje pela manhã foi a vez do empresário Nenezão se filiar ao Partido dos Trabalhadores (PT) se colocando a disposição da legenda para a disputa.
A informação é do presidente do Diretório Municipal, o ex-vereador Manim Lopes, que acredita que uma candidatura própria é o melhor caminho para o partido voltar a ter representatividade local.