Pular para o conteúdo principal

Dr. Levi Revela Convite Para Hospital e Admite Possibilidade De Candidatura


O ex-deputado estadual Dr. Levi Pontes esteve ontem (16) no programa Direto ao Assunto, da rádio Mirante, para falar da sua volta à rotina de consultas no Centro de Medicina Avançada de Chapadinha (CMAC), mas a política acabou virando o assunto principal da entrevista.

Após um balanço do mandato que exerceu na Assembleia com vários benefícios para Chapadinha e região, o médico disse não ter arrependimento de fazer política de maneira correta, mas que depois de muita reflexão busca tirar aprendizado de tudo.

Com relação ao seu presente, ele afirmou que desde o início do ano vem participando de congressos e seminários para se manter atualizado e tem investido para trazer novos métodos de exames e intervenções cirúrgicas para seus pacientes.

Discutindo a situação geral da saúde no município os apresentadores questionaram a situação do Hospital Regional de Chapadinha, que continua sem funcionar com a sua plena capacidade e não colocou fim à rotina de transferências de pacientes para São Luís. O médico lamentou a situação e disse que Chapadinha vive a consequência de não ter mais representante no estado exigindo coisas simples como o funcionamento do tomógrafo. “Eu fui oficialmente convidado para assumir a direção deste hospital, mas não aceitei porque estou bem no CMAC e só teria sentido assumir uma responsabilidade desta com a garantia das condições para realizar um bom trabalho” afirmou.

A entrevista ainda tratou das eleições municipais do ano que vem. Como presidente do diretório municipal do PCdoB, o deputado informou que a decisão que o partido tomou é ter candidatura própria nas principais cidades do estado. “Eu vou participar. Seja como cidadão, eleitor, articulador, apoiador ou mesmo como candidato, como muita gente próxima tem me pedido para avaliar”.

Direto ao Assunto
Líder de audiência no rádio chapadinhense desde sua criação, o programa Direto ao Assunto vai ao ar de segunda a sexta-feira das 14h às 16h com apresentação do jornalista Luís Carlos Jr e comentários de Léo Castro, Eduardo Braga e Fábio Barroso.

Você pode acompanhar pela FM 98.1 e pela AM 1520. Em breve o programa também estará disponível em plataformas digitais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor de Chapadinha vai a Itapecuru prestar depoimento

O assassinato do empresário Pedro Lopes Fontenelle, em Vargem Grande, ainda é um mistério. Para ajudar a solucionar o caso o pastor Elias Lima, presidente da Assembleia de Deus em Chapadinha, se dirigiu à Delegacia de Itapecuru-Mirim na manhã desta terça-feira (02) para prestar depoimento.
O crime aconteceu na última quarta-feira (27) às margens da BR-222, em frente a uma propriedade que o pastor havia vendido para o empresário. O empresário foi executado com dois tiros e não levaram nada dele.
Segundo um genro do pastor, o irmão Ezequiel Douglas, ele não recebeu qualquer intimação para comparecer ao distrito policial que investiga o caso e se dirigiu de forma espontânea. “Como ninguém sabe quem são os autores nem a motivação do crime, cabe todos que tiveram algum contato recente com a vítima munir as autoridades policiais com toda informação que possa ajudar a solucionar o caso”, afirmou ao blog.
Pedro Lopes Fontenelle tinha 46 anos e atuava no ramo frigorífico em Vargem Grande.

Não Chamem Pra Mesma Mesa o Prefeito e o Cunhado Vereador

A confusão começou numa comemoração de família. Os dois conversavam com o nível etílico um pouco acima do recomendado quando o parlamentar externou suas preocupações com o rumo do governo e o prefeito reagiu contrariado quando ouviu o irmão da primeira-dama lhe dizer que se a eleição fosse hoje ele seria derrotado.
O problema aumentou durante uma recente posse de secretários no gabinete do prefeito. Parecia que ele já estava concluindo mais um dos seus longos discursos quando olhou o vereador entre os presentes e relembrou o diálogo afirmando não levar a sério o diagnóstico. Constrangendo o parlamentar, o prefeito disse que aquilo era conversa de quem estava com algo cheio de cachaça.
O vereador, é claro, não escondeu a contrariedade com a conversa, que havia acontecido em âmbito privado, ser tratada publicamente e principalmente com os termos que o prefeito usou na frente de outros parlamentares e membros da equipe de governo.
Pra piorar, ao saber das reclamações do vereador, o pre…

Mais um empresário se prepara para disputar a Prefeitura

Está difícil manter a contagem de quantos pré-candidatos ao cargo de prefeito de Chapadinha já estão no páreo. Hoje pela manhã foi a vez do empresário Nenezão se filiar ao Partido dos Trabalhadores (PT) se colocando a disposição da legenda para a disputa.
A informação é do presidente do Diretório Municipal, o ex-vereador Manim Lopes, que acredita que uma candidatura própria é o melhor caminho para o partido voltar a ter representatividade local.