Pular para o conteúdo principal

Dra. Thaiza Hortegal a disposição de Chapadinha



A deputada estadual Dra. Thaiza Hortegal falou ao Blog do Braga e afirmou que seu mandato está a disposição de Chapadinha tanto quanto de Pinheiro.

Médica pediatra, Thaiza é filha do vice-prefeito Talvane Hortegal e da ex-vereadora Licinha Aguiar, é prima do vereador Marcelo Marinheiro e do ex-deputado Dr. Levi Pontes. Ela cresceu em Chapadinha e foi eleita deputada estadual em 2018 com boa votação nas regiões do Baixo Parnaíba e da Baixada Maranhense. Em Chapadinha foram 3.037 votos com apenas duas passagens pelo município no período eleitoral. “A campanha é muito curta e quase não pude ir a Chapadinha, ainda assim recebi uma votação que me deixou muito grata e disposta a trabalhar pela população”, disse a deputada.

Thaiza foi questionada sobre uma possível candidatura sua à Prefeitura de Chapadinha e demonstrou que apesar de muito jovem a sensatez guia suas decisões na política: “Como eu posso já chegar dizendo que sou candidata? Candidatura se faz com grupo, não pode ter brincadeira, ninguém pode dizer que é candidato só para deixar o nome em evidência porque isso tira a credibilidade da pessoa e o povo já está muito desacreditado na política”, e completou: “É claro que eu tenho muita vontade de participar e tenho um perfil mais gestor do que parlamentar, mas hoje meu foco é deixar o mandato que exerço na Assembleia a disposição de Chapadinha tanto quanto está a disposição de Pinheiro. Está faltando trazerem as demandas para nós defendermos aqui, mas eu quero aumentar o contato direto com a população”, afirmou.

Sobre Pinheiro, a parlamentar fez questão de reafirmar sua relação com o prefeito Luciano Genésio, “Ele é muito, muito meu amigo. Amigo mesmo! Nós continuamos com uma excelente relação política”, e lembrar da própria experiência na Princesa da Baixada. “Eu acabei assumindo muitas responsabilidades durante a gestão, até para o Luciano ficar mais livre para resolver outros problemas, então minha atuação no Executivo fez meu nome ser lembrado pelo povo para a eleição de deputada que eu nem pensava em me candidatar”.

Durante a conversa, a deputada falou sobre suas relações políticas em Chapadinha citando quase todos os atores da política local sem atacar nenhum deles. “Eu atendo inclusive o prefeito Magno Bacelar, apesar dele ser aliado do meu adversário em Pinheiro (Victor Mendes) porque não é uma questão de ajudar o prefeito de Chapadinha e sim o povo de Chapadinha”. Com a insistência do Blog em tratar do assunto eleitoral a parlamentar revelou que naturalmente conversa com os deputados Paulo Neto e Fernando Pessoa na rotina da Assembleia Legislativa sobre o quadro político local, mas avalia ser muito cedo para falar em candidatura.

Sobre outras articulações leia Novo socialista: Higor Almeida e Sobre paqueras, namoros, casamentos, traições e divórcios...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor de Chapadinha vai a Itapecuru prestar depoimento

O assassinato do empresário Pedro Lopes Fontenelle, em Vargem Grande, ainda é um mistério. Para ajudar a solucionar o caso o pastor Elias Lima, presidente da Assembleia de Deus em Chapadinha, se dirigiu à Delegacia de Itapecuru-Mirim na manhã desta terça-feira (02) para prestar depoimento.
O crime aconteceu na última quarta-feira (27) às margens da BR-222, em frente a uma propriedade que o pastor havia vendido para o empresário. O empresário foi executado com dois tiros e não levaram nada dele.
Segundo um genro do pastor, o irmão Ezequiel Douglas, ele não recebeu qualquer intimação para comparecer ao distrito policial que investiga o caso e se dirigiu de forma espontânea. “Como ninguém sabe quem são os autores nem a motivação do crime, cabe todos que tiveram algum contato recente com a vítima munir as autoridades policiais com toda informação que possa ajudar a solucionar o caso”, afirmou ao blog.
Pedro Lopes Fontenelle tinha 46 anos e atuava no ramo frigorífico em Vargem Grande.

Não Chamem Pra Mesma Mesa o Prefeito e o Cunhado Vereador

A confusão começou numa comemoração de família. Os dois conversavam com o nível etílico um pouco acima do recomendado quando o parlamentar externou suas preocupações com o rumo do governo e o prefeito reagiu contrariado quando ouviu o irmão da primeira-dama lhe dizer que se a eleição fosse hoje ele seria derrotado.
O problema aumentou durante uma recente posse de secretários no gabinete do prefeito. Parecia que ele já estava concluindo mais um dos seus longos discursos quando olhou o vereador entre os presentes e relembrou o diálogo afirmando não levar a sério o diagnóstico. Constrangendo o parlamentar, o prefeito disse que aquilo era conversa de quem estava com algo cheio de cachaça.
O vereador, é claro, não escondeu a contrariedade com a conversa, que havia acontecido em âmbito privado, ser tratada publicamente e principalmente com os termos que o prefeito usou na frente de outros parlamentares e membros da equipe de governo.
Pra piorar, ao saber das reclamações do vereador, o pre…

Mais um empresário se prepara para disputar a Prefeitura

Está difícil manter a contagem de quantos pré-candidatos ao cargo de prefeito de Chapadinha já estão no páreo. Hoje pela manhã foi a vez do empresário Nenezão se filiar ao Partido dos Trabalhadores (PT) se colocando a disposição da legenda para a disputa.
A informação é do presidente do Diretório Municipal, o ex-vereador Manim Lopes, que acredita que uma candidatura própria é o melhor caminho para o partido voltar a ter representatividade local.